Tarte Rainforest Of The Sea LE eye & cheeks Palette | Review

Bom dia pockets

Ontem trouxe-vos a resenha da minha primeira paleta de gama alta (ver aqui) da Tarte Cosmetics e hoje trago-vos nas mesmas circunstâncias a minha segunda palete, também da Tarte visto que também aproveitei um TSV (today’s special value) na QVCUK de um conjunto de produtos desta marca, que só me convenceu a comprar porque queria muito a Base Rainforest Of The Sea! =)

img_20170217_125708
Tarte Rainforest Of The Sea Limited Edition Eyes&Cheeks Palette. Review

Mais uma vez o packaging é ADORÁVEL!! Um rectângulo dourado, compacto, vem com um espelho, e tem um padrão super fresco =) seria óptimo para levar na mala! Porque dizes “seria”, perguntam vocês? Pois já ficarão a saber…

Esta paleta é uma edição limitada e pelo que pesquisei não existe quase nenhuma informação sobre ela (até entendo porquê). Vem com 6 sombras e 1 blush. 

img_20170217_125731
Tarte Rainforest Of The Sea LE Eyes&Cheeks Palette.  Review

Esta palete, ao contrário da outra da Tarte tem os nomes gravados, o que é útil mas sinceramente é uma das pouquíssimas coisas positivas sobre ela.

img_20170217_125738
Tarte Rainforest Of The Sea Limited Edition Eyes&Cheeks Palette 

Primeiro das poucas reviews que vi sobre esta paleta era que as 3 sombras da fila de cima- tide,  sunset e sandcastle serviriam para preencher as sobrancelhas, o que só isso já é estranho visto que estão designadas como sombras de olhos.  “Tide” é um beje mate, “sunset” uma versão mais escura do que o anterior, também mate e “sandcastle” um mate castanho claro. No entanto depois de fazer swatch percebe-se que não tem qualquer pigmentação =(… uma pena, visto que seriam tons essenciais para ter numa paleta como esta…

 

img_20170217_125950

O mesmo acontece com as sombras da fila de baixo – reflection, horizon e driftwood.  “Reflection” é uma sombra metalizada pratacom um subtom quente com toque de rosa e roxo, “horizon” um taupe mate com um fundo semi rosado e “driftwood” é um castanho arroxeado shimmer.

De toda a palete a única sombra que se safa é mesmo a Horizon, porque todas as outras têm uma textura seca, demasiado prensadas ao toque, o que nem sequer permite que o pincel agarre qualquer pigmento! =(

Em relação ao blush,  “mystified”, apesar não ser a fórmula dos Tarte Amazonian Clay e ser bastante seco ao toque, tem um tom de rosa queimado que eu adoro e ainda consigo trabalhar com ele, visto que sai pouco pigmento de cada vez.

IMPORTANTE: sem parecer rude, este serve o exemplo de algo que se tem falado muito na blogosfera… Marcas high-end, quando fazem edições limitadas,  como por exemplo paletes de natal etc, têm tendência a diminuir a qualidade do produto, e a diferença vê-se também quando verificamos onde foi feita a paleta- esta diz made on China e a Showstopper que vos falei ontem (que não é edição limitada) diz made in USA. Não digo isto de forma perjurativa até porque tenho produtos made in China com qualidade, mas esta é uma polémica que, se vocês pesquisarem, verão muitas opiniões confirmando isto! 

VEREDICTO FINAL: com pena minha digo que esta foi uma desilusão total e não recomendo a ninguém! A minha sorte é que esta veio num conjunto que os outros produtos compensaram em qualidade a falha deste… Mas mesmo assim esperamos sempre mais destas marcas high-end. 

Xoxo. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s